NÃO ENCONTROU O LIVRO QUE PROCURA? ENTRE EM CONTATO CONOSCO PELO WHATSAPP

Boas horas de sono ajudam a evitar a formação de hérnias

As hérnias de parede abdominal são defeitos na musculatura do abdômen que permitem a passagem de estruturas, como vísceras e gordura, do interior para a parte subcutânea. “O problema pode ser de nascença ou adquirido através de questões nutricionais, emagrecimento, obesidade, ou trauma”, explica Carlos de Almeida Obegron, cirurgião geral e do aparelho digestivo do Hospital Albert Sabin (HAS).

O tipo de hérnia mais comum é a inguinal, que consiste na saliência de parte do intestino ou outro órgão ligado ao abdômen através de uma abertura na parede abdominal ou na virilha. São mais frequentes em homens e a cirurgia pode ser realizada por dois métodos, ou seja, via aberta ou laparoscópica. A recuperação é muito simples e, geralmente, o paciente recebe alta no mesmo dia ou no posterior.

“A prática de atividades físicas, alimentação saudável, prevenção da obesidade e boas horas de sono ajudam no fortalecimento muscular e, portanto, evitam a formação de hérnias”, diz Obregon.

Hábitos como o tabagismo e o alcoolismo por outro lado aumentam a fragilidade da musculatura e, consequentemente, devem ser evitados como medida preventiva.

“Em regiões onde as hérnias são prevalecentes, como o abdômen e as virilhas, uma mudança foi percebida, apareceu por exemplo uma protuberância, o indivíduo deve procurar um médico, pois, como em outras doenças, o rápido diagnóstico torna o tratamento mais simples”, finaliza o cirurgião.

Imagem em destaque: IStock

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.